O Ministério Público de Santa Catarina utiliza cookies para gerar informações estatísticas de visitação, aperfeiçoar a experiência do usuário e prestar os serviços online.
Respeitando seu direito à privacidade, em breve você poderá fazer a gestão dos cookies por ferramenta própria disponível no site.
Até a implementação da ferramenta, você poderá optar por impedir/modificar esse tratamento por meio das configurações do seu navegador.



Post

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) e o Instituto Geral de Perícias (IGP) deram sequência, nesta quarta-feira (17/11), em Joinville, e na quinta-feira (18/11), em Mafra, às reuniões regionais para conhecer as demandas comuns, identificar problemas na prestação do serviço pericial, canalizar recursos de acordos penais para projetos apresentados pelo IGP e promover a integração dos profissionais em suas áreas de atuação.  

O encontro deu continuidade ao roteiro conjunto programado entre as instituições, que até o mês de dezembro contemplará todas as regiões catarinenses. As primeiras reuniões foram realizadas em Lages, ainda antes da pandemia, e agora em Criciúma, Tubarão, Blumenau e Itajaí. O ciclo será retomado em 2022, dando seguimento ao roteiro planejado.  

A reunião de trabalho foi conduzida pelo coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal do MPSC (CCR), Promotor de Justiça Jádel da Silva Júnior, e pelo perito-geral do IGP, Giovani Eduardo Adriano, além do perito-geral adjunto do IGP, Júlio Freiberger Fernandes. 

Post

Para Jádel da Silva Júnior, "os encontros têm revelado uma oportunidade valiosa de aproximação com os colegas, permitindo obtermos diretamente relatos sobre problemas e dificuldades vivenciadas em suas atividades diárias, sobretudo com relação à prestação do serviço pericial, e de encontrarmos em conjunto, em parceria ainda com os peritos gerais e regionais, formas para equacionarmos ou ao menos reduzirmos essas dificuldades, seja de ordem estrutural, seja operacional na própria formulação dos laudos e seu tempo de entrega. Em 2022 retomaremos esses encontros e completaremos as reuniões por todas as regiões do Estado".  

Participaram das reuniões peritos e auxiliares do IGP. Em Joinville, estiveram presentes os Promotores de Justiça Marcio Gai Veiga, Glauco José Riffel, Chimelly Louise de Resenes Marcon, Assis Marciel Kretzer, Hélio Sell Júnior, Barbara Elisa Heise, Marcelo S. Netto de Campos e Germano Krause de Freitas (Joinville); Diogo Luiz Deschamps (São Francisco do Sul); e Sérgio Ricardo Joesting (Criciúma). Já Mafra contou com a participação dos Promotores de Justiça Alicio Henrique Hirt, Rodrigo Cesar Barbosa e Saulo Henrique Aléssio Cesa (Mafra); Pedro Roberto Decomain (Itaiópolis); Bianca Andriguetti Coelho e Ana Carolina Ceriotti (Canoinhas); e Rodrigo Kurth Quadros (Porto União).