O Ministério Público de Santa Catarina utiliza cookies para gerar informações estatísticas de visitação, aperfeiçoar a experiência do usuário e prestar os serviços online.
Respeitando seu direito à privacidade, em breve você poderá fazer a gestão dos cookies por ferramenta própria disponível no site.
Até a implementação da ferramenta, você poderá optar por impedir/modificar esse tratamento por meio das configurações do seu navegador.



Em virtude da autorização, em Santa Catarina, da reabertura de hotéis, pousadas, restaurantes, bares e do comércio de rua em geral, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) busca assegurar que os protocolos de prevenção sejam cumpridos em todos os estabelecimentos.

Com esse o intuito, Gabinete Gestor de Crise do MPSC elaborou e enviou aos Promotores e Promotoras de Justiça orientações e modelos de recomendações para, caso entendam necessário, serem encaminhadas aos órgãos de fiscalização locais - Polícia Militar, à Polícia Civil, ao PROCON Municipal e à Vigilância Sanitária Municipal.

O objetivo das recomendações é fomentar a adoção do protocolo de prevenção pelos estabelecimentos autorizados a funcionar, fiscalizando principalmente:

·         a obrigatoriedade de utilização de máscaras de proteção pelos trabalhadores;

·         a higienização dos ambientes;

·         a redução da capacidade total em 50%;

·         o controle de acesso e áreas externas dos estabelecimentos, a organização das filas e o distanciamento mínimo entre as pessoas;

·         a disponibilização de álcool gel aos clientes e funcionários.

As recomendações destacam, ainda, que sendo constatadas quaisquer irregularidades, as providências administrativas e sanitárias a cargo de cada órgão sejam imediatamente adotadas.